domingo, 29 de novembro de 2009

MINHA AMADA AMIGA SIL

ESTOU AMANDO
(Silvana Duboc)

Estou amando de verdade,
como amei na mocidade,
com o meu coração
mergulhado na emoção.

Estou amando levemente,
de forma tão transparente,
sem medo nenhum de errar
que acho que nunca mais vou parar.

Estou amando como, um dia,
eu imaginei nas minhas fantasias
que sempre amaria.

Estou amando alguém especial
de um jeito simples e original.

Estou amando
como as estrelas amam a lua,
cheia de ternura
porque sei que você é todo meu
e eu sou inteira sua.

postado em:
29/11/09- 19:29 H.

MARÍLIA - SP

3 comentários:

silvana disse...

Gena querida, sempre com um carinho inesperado pra mim.
Nossa, fazia tempo q não lia essa poesia, adorei!!!!!
Um bju imenso pra vc!!!

Daniel Costa disse...

Ilze

O poema é maravilhoso. Retrata um estado de espírito, um encantamento, diria sublime. Um estado de espítrito que só por si é poético.
Que o verbo seja sempre conjugado!

Beijos
Daniel

Guacira Maciel disse...

Que coisa mais bonita o seu poema, Gena.
Esse estado de encantamento é tão próprio de quem está apaixonado...uma coisa tão espontânea, tão pura; eu conheço muito bem isso...
Parabés, seja feliz e escreva muitos outros poemas assim.
Guacira